Sétimo

Eterna

Compositor: Neno Fernando

O candelabro ilumina o ritual
Adoradores do divino, o Deus real
Diante da luz, os moribundos se ajoelham
Mistérios da cruz, que fez o céu chorar!

A brisa traz o seu querer, não importa o que acontecer
Você pode não entender, o coração vai perceber
Sete espíritos do Deus de luz, sete selos abertos
Sete pragas se derramarão
O final está perto

Se fez maldito no madeiro em meu favor
O sangue que manchou a terra, é meu louvor
O chacal que traz dor nunca ousou, mas vai reclamar
Por onde eu vou, o Seu nome eu vou clamar!

A brisa traz o seu querer, não importa o que acontecer
Você pode não entender, o coração vai perceber
Sete espíritos do Deus de luz, sete selos abertos
Sete pragas se derramarão
O final está perto

O hoje parece eterno, um longo inverno, Ele há de chegar
Em volta do caos e do medo, sem qualquer apego comece a clamar!
oooooooh, ooooooh
Comece a clamar!
ooooooh ooooooh
Comece a clamar!

A brisa traz o seu querer, não importa o que acontecer
Você pode não entender, o coração vai perceber
Sete espíritos do Deus de luz, sete selos abertos
Sete pragas se derramarão
O final está perto

Sete espíritos do Deus de luz, sete selos abertos
Sete pragas se derramarão
O final está perto

©2003- 2018 lyrics.com.br · Aviso Legal · Política de Privacidade · Fale Conosco desenvolvido por Studio Sol Comunicação Digital